café e dores

café e dores

domingo, 12 de fevereiro de 2017

fevereiro do ano passado

pra cessar ressaca
só tua vista de longe
braços estendidos
uivando entre as nuvens 
de fevereiro
mitos carnavalescos
escada rolante
elevados
a lua sobreviveu ao Sol
ladeira íngreme até sua rua 
mesmo que os pulmões insistam
a dar sinais de morte
as voltas do pássaro 
grande 
é preferível morrer 
a perecer trancafiado 
crise do noticiário 
ontem
essa poesia 
hoje 
pisoteada
a flor e o asfalto
beijar até que a boca seque 
e o sol apague a Lua
agora 
embriagados 

Nenhum comentário:

Postar um comentário