café e dores

café e dores

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Cicatrizes sem rastros trafegam pelo interior do corpo cedido



Peguei pra ler textos curtos


De poetas desconhecidos


Recordei nostalgia


Não cabia no meu repertório


Mas amargo sentir a costura


Ainda crua pele explícita


Ali punida


Nada meu existia


Contudo desgosto nocivo


Sabia o pertencer unânime


Memórias retalhos


Estancam o sangue


Transitar por escrita


Resgatando carne 


Esquecida


Exibida consistia 


Ferida


Ali eu existia

Nenhum comentário:

Postar um comentário