café e dores

café e dores

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Os Deuses enviados

Os deuses são bondosos comigo

Me ofereceram as uvas e o álcool

O açúcar da cana e o sal do mar

Me deram um sorriso prostrado

A cada vulto ao suor dos passos

E eu danço com paz no espírito

Arrasto os pés e sigo

Junto aos deuses bondosos

Ultrapasso os faróis e escrevo poesia

Porque me deram olhos singelos

E as cores todos os dias

Bebo e fumo na mesa com os deuses

Almoço e durmo

Me deram livros que me salvaram

Da morte na paixão

Os deuses são bons comigo

Fazemos feira e pagamos as dívidas

Dessa cobrança infinda

Eu gosto dos deuses

Eles me acreditam

Eu acredito neles

O quanto são bons comigo

Nenhum comentário:

Postar um comentário